Amigo de Temer propôs devolver propina por medo da Lava Jato, diz delator

O executivo da Engevix José Antunes Sobrinho afirmou em delação premiada que o coronel João Baptista Lima Filho, amigo de Michel Temer, chegou a propor devolver o valor pago de R$ 1 milhão de propina, usando como justificativa o andamento da operação Lava Jato.
Leia mais (03/21/2019 – 14h42)