Pescadores de praias com óleo ocupam sede do Ibama na Bahia

Um grupo de pescadores e marisqueiros de localidades atingidas por manchas de óleo ocuparam na manhã desta terça-feira (22) a sede do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) na Bahia.
 
Os manifestantes ?cerca de 300 pessoas? criticam a atuação do governo federal na contenção do óleo que tem chegado a praias do litoral dos nove estados nordestinos desde 30 de agosto.
 
“É uma situação gravíssima e o que vemos é um completo descaso. O governo federal tem atuado somente de maneira paliativa no combate ao óleo, fazendo a limpeza das praias”, afirma Maria José Pacheco, do Conselho Pastoral dos Pescadores.
 
Ela ainda destaca que a chegada o óleo tem limitado a atuação dos pescadores, já que a orientação é não pescar ou catar mariscos nas áreas atingidas pelo óleo.
Leia mais (10/22/2019 – 11h12)