Mais pérolas da Mostra

A Mostra Internacional de Cinema de São Paulo entra em sua última semana, mas ainda há muito o que ver. Destaco aqui duas sessões gratuitas ao ar livre, de “O Gabinete do Doutor Caligari ” e de filmes de Georges Méliès, e a retrospectiva da obra do diretor francês Olivier Assayas.

Até o dia 30, quatro filmes do cineasta ainda serão exibidos na Mostra, entre eles “Wasp Network”, sua obra mais recente, inédita no Brasil, baseada no livro “Os Últimos Soldados da Guerra Fria”, de Fernando Morais, sobre espiões cubanos infiltrados nos EUA. O longa tem, no elenco, Penélope Cruz, Gael García Bernal e Wagner Moura.

Assayas gosta de revisitar o passado. Um exemplo é “Carlos, o Chacal”, retrato “baseado em fatos reais” do famoso terrorista venezuelano, atualmente preso na França. O filme, que também virou uma minissérie vencedora do Globo de Ouro, revisita 20 anos da vida de Carlos, mostrando atentados e sequestros que organizou pela causa da Palestina, e posteriormente sua ligação com ditaduras na África.
Leia mais (10/26/2019 – 10h00)