Estava ansiosa para conhecer a Bahia, diz autora em feira literária de Salvador

Formada em escrita criativa pela Kingston University de Londres, a nigeriana Oyinkan Braithwaite, 31, começou a escrever o que sonhava ser o livro da sua vida, que a tornaria uma autora conhecida e respeitada, mas percebeu que a empreitada era mais difícil do que parecia. Por isso, resolveu parar e escrever outro livro apenas como exercício.
Leia mais (08/10/2019 – 10h33)