Carnaval é a arte de fingir que está tudo bem

Fui pego de surpresa, num Uber para GRU, com o convite para escrever no caderno "Alalaô" -não é um mau nome, embora eu prefira "Folia de S.Paulo". Logo eu? A pessoa menos carnavalesca do Brasil? Beleza. Vesti o personagem e aproveitei as seis horas de voo que tinha adiante. Castiguei as teclas do notebook com […] … Leia post completo no blog
Leia mais (03/05/2019 – 02h00)